Tudo sobre trabalho na Austrália durante o intercâmbio

Quando eu estava planejando meu intercâmbio, tive muitas dúvidas sobre como, onde e o que era preciso para conseguir trabalho na Austrália.

Durante o período que morei morei em Perth, tirei certificados para lidar com bebida alcoólica, documentos para trabalhar legalmente, entreguei muito currículo, passei por várias entrevistas e tive 3 empregos diferentes.

As dúvidas que eu tive sobre trabalho durante o intercâmbio são muito comuns e quase todo intercambista se pergunta:

Posso trabalhar na Austrália durante o intercâmbio?

Consigo trabalhar na minha área de atuação?

Que tipo de trabalho vou conseguir?

Qual a média de salário para esses empregos?

Como encontrar trabalho na Austrália?

O que é preciso para trabalhar legalmente?

Passei por tudo isso e agora respondo tudo o que você precisa saber sobre trabalho na Austrália durante o intercâmbio.

Posso trabalhar na Austrália durante o intercâmbio?

Sim, você pode!

O visto de estudante, permite que a pessoa trabalhe até 40 horas por quinzena durante o período de estudos, e durante as férias do curso o estudante pode trabalhar em período integral.

Caso o estudante seja casado e esteja viajando com seu cônjuge, o cônjuge também terá permissão de trabalhar 40 horas por quinzena. No caso do estudante que estiver cursando um mestrado ou doutorado, o cônjuge poderá trabalhar em período integral.

Consigo trabalhar na minha área de atuação?

Uma dúvida frequente entre os intercambistas que já possuem diploma ou larga experiência em alguma área, é possibilidade de conseguir um emprego na área de atuação.

Working Minha resposta é sempre  Sim, é possível.

Entretanto é muito difícil que isso aconteça caso a pessoa não tenha saído do Brasil com o emprego definido.

Existem diversas razões para isso, como o fato da maioria dos estudantes não terem fluência na língua inglesa, reconhecimento de diploma, e principalmente a não possibilidade de trabalhar em tempo integral.

Apesar dessas restrições, não quer dizer que você não possa tentar uma oportunidade na sua área. Eu apoio que você procure e aplique para a vaga caso à encontre. Eu, por exemplo, fiz uma entrevista na 3ª semana para uma oportunidade na minha área(desenvolvimento de software), entretanto meu inglês não estava bom o suficiente para ocupar a vaga.

Que tipo de trabalho vou conseguir?

Existem diversas oportunidades de trabalho para estudantes, as oportunidades mais comuns são:

  • Car Washer (Lavador de Carro)
  • Cleaner (Faxineiro)
  • Glasser (Serviços gerais em boate)
  • Kitchen Hand (Auxiliar de cozinha)
  • Labourer (Ajudante de obra/Pintor/Pedreiro)
  • Waiter/Waitress (Garçom/Garçonete)

GlasserAntes de qualquer coisa, não menospreze esse tipo de serviço, pois além de ser bom para praticar o seu inglês interagindo com estrangeiros, o valor hora muitas vezes é de surpreender.

Para posições como garçom, garçonete, glasser, atendente de bottle shop ou qualquer outra função que lide com a venda de bebidas alcóolicas é necessário possuir um certificado RSA.

RSA – Responsible Service of Alcohol (Autorização para venda de bebidas alcoólicas), é um certificado que permite a pessoa a lidar com bebidas alcoólicas. Ele pode ser adquirido através de um curso online que leva em média 4 horas para realização.

O curso do RSA que eu fiz foi o AHA(WA) e na época paguei o valor de AU$75, sendo que o meu certificado tem validade nacional, ou seja, em todos os estados da Austrália posso trabalhar com venda de bebida alcoólica. Fique atento caso você pretenda morar em estados diferentes, pois alguns certificados são válidos somente em um estado(NSW, WA, QLD, SA, NT) como pode ser visto nesse outro curso.

Qual a média de salário para esses empregos?

A média de salário pode variar bastante. Eu costumo dizer que um salário de  AU$17/hora é um valor legal. Se considerar um trabalho de 20h horas por semana, ou seja, 40h por quinzena, isso gera AU$340/semana.

Conversando com alguns amigos que residem em Perth, eles me passaram alguns valores para ter uma ideia.

  • Car Washer e Kitchen Hand AU$17/hora.
  • Glasser AU$19/hora.
  • Labour AU$20/hora

PayScale é um site onde é possível ter ideia da média salarial para cada tipo de serviço.

Uma dúvida que está diretamente ligada a média salarial, é possibilidade de se manter durante o intercâmbio com um trabalho que gere AU$340/semana. Sim é possível, mas isso depende de como cada pessoa leva a vida.

Esse assunto entre em outro mérito que é o custo de vida na Austrália, que merece um artigo para falar só disso.

Como encontrar trabalho na Austrália?

Assim como no Brasil, na Austrália também existem sites onde é possível encontrar oportunidades. Veja alguns dos sites onde você pode procurar:

Não se limite a buscar vagas somente nesses sites ou depender de amigos para te indicar.

No centro das cidades, existem diversas agências espalhadas que fazem cadastro para oportunidades, se você der sorte, é possível que tenha uma oportunidade aberta “esperando você” na agência.

Waitress

Para vagas de garçom, garçonete e auxiliar de cozinhar, o interessante é imprimir alguns currículos e distribuir pessoalmente nos restaurantes. Consegui um trabalho de garçom assim, fui deixar o currículo em um restaurante, a gerente quis me entrevistar na mesma hora, que em seguida me aprovou e mandou voltar no dia seguinte para começar. O mais interessante, é que esse era apenas o 3º restaurante que estava entregando currículo.

O que é preciso para trabalhar legalmente?

Para trabalhar legalmente na Austrália será necessário emitir o seu TFN – Tax File Number.

O TFN é um número de registro que funciona como uma carteira de trabalho, e é solicitado online. A maioria das agências de intercâmbio irão auxiliar com esse processo.

O TFN também é usado para recolher o imposto de renda durante o seu trabalho, por isso arrumar um emprego, se torna difícil se você não tiver seu Tax File Number. Com o seu TFN, também será possível resgatar parte do imposto pago durante período em que você trabalhou.

Essas informações me ajudaram bastante, então espero poder ajudar no planejamento da sua viagem também. Se você tiver alguma outra dúvida, pergunta, ou qualquer informação adicional, deixe um comentário abaixo.

Caso você já tenha feito intercâmbio, compartilhe sua experiência nos comentários também.

Em breve irei publicar mais dicas, curta nossa página no facebook e acompanhe as novidades.

Abraços e make it count!

Crédito das fotos: AlexBrian YapJust Ard.

Comentários

Comentário

Rodrigo é um viajante apaixonado por conhecer lugares, pessoas e culturas. Criador do Trupe da Trip, adora um papo sobre viagem e compartilhar dicas dos lugares por onde já passou. Já esteve em 11 países e mais de 60 cidades. Tem como lema make it count, ou seja, faça valer a pena!